Olhei para você pela milésima vez
Pela miléssima vez você me olhou
Cruzamos os olhares
Quando penso nisso, relembro no silêncio
E sinto novamente toda a emoção no silêncio
O silêncio natural
vibrando o sentimento
O silêncio rege o desconhecido
Em silêncio eu o amo
No silêncio ficamos
Nossa vida vem do silêncio
Agora vem comigo
Feche seus olhos e tampe os ouvidos
Ouve algo? Vê?
Sim é o silêncio que fala
Ele lhe diz o quanto me ama
Ele lhe diz o quanto eu te amo
O silêncio diz tudo…

(Cristiane Souza Gomes)


Em cada olhar…
uma esperança de volta

Em cada tocar…
um desejo
de amar e viver

Em cada beijo…
o sabor
de ser feliz
por estar com você

Em cada sorriso…
o amor abraça a felicidade
que contagia a nossa vida

Em cada amanhecer…
a saudade do dia feliz
que passei ao seu lado

Em cada anoitecer…
o travesseiro meu conselheiro
me acalma com a falta
que você me faz
nas noite inclaras

dançando, sorrindo e vivendo
o momento mágico de estar com você

(Cristiane Souza Gomes)


Nós nos conhecemos, sorrimos
nos aproximamos
Foi romantismos, cores, poesias
flores e amores
Beijos, abraços e carícias
Te amei e você me amou?
Não sei…
Passos que passaram
palavras que ficaram
Foi riso e alegria que agora
me angustiam
Sonhos, realidades e fantasias

Volto a passear sozinha
pelos mesmos lugares
Mas não são mais os mesmos
Você não está aqui
Será que te perdi?

Procurei a tua mão
E não mais te encontrei
Ainda me quer? Não?
Foi sonho e ilusão
E eu? Amei em vão?

(Cristiane Souza Gomes)


Teu olhar…
Enigmático, misterioso
Te olhar…
Quero decifrar neles todos os seus segredos
Teu olhar…
Que às vezes desvia fingindo não me ver
Teu olhar…
Possui o azul do céu
E a minha vontade de chegar até você
e derrubar esta barreira
que mesmo tão perto
às vezes me sinto tão longe de ti
tão longe da tua vida
e tão perto do teu olhar
Teu olhar…
Esconde no seu brilho
Todos os meus sonhos escondidos
e refletem os meus olhos
que querem você
e chamam por você
sem ao menos você notar
Teu olhar…
Quero através dele tentar descobrir
quem é você?
Saber da tua vida
Saber o teu nome
Saber um pouco mais
que esta incerteza
de um olhar
que pode estar escondendo tantas coisas
tantos sonhos
Teu olhar…
esconde a tua alma, os teus segredos
Teu olhar
Que diz tanta coisa
sem dizer se quer uma palavra
Teu olhar…
Talvez seja um sonho meu
Mas um dia quero
que este olhar nos aproxime
que um dia me diga
tudo o que sonhei
teu olhar…
que irá trazer um dia…
você pra mim…

(Cristiane Souza Gomes)





CONTINUE NAVEGANDO: