Cada poesia carrega um brilho, um toque singular e é capaz de provocar emoções únicas em diversas pessoas diferentes. Para uns ela pode causar alegria e para outros, o mesmo poema é capaz de encher o coração de melacolia. De modo que é quase impossível, portanto, escolher quais são as melhores poesias já publicadas na nossa Literatura Brasileira.

Ainda assim, um grupo de jornalistas,  escritores, críticos e professores aceitou o desafio e elencaram quais seriam os 10 maiores poemas de autores brasileiros de todos os tempos.

A lista reuniu 24 poesias mais citadas entre 40 indicações totais.

Confira abaixo quais foram 10 mais votadas:

1 – A Máquina do Mundo (Carlos Drummond de Andrade)

2 – Vou-me Embora pra Pasárgada (Manuel Bandeira)

3 – Poema Sujo (Ferreira Gullar)

4 – Soneto da Fidelidade (Vinícius de Moraes)

5 – Via Láctea (Olavo Bilac)

6 -O Cão Sem Plumas (João Cabral de Melo Neto)

7 -Canção do Exílio (Gonçalves Dias)

8 – As Cismas do Destino (Augusto dos Anjos)

9 – As Pombas (Raimundo Correia)

10 – Invenção de Orfeu (Jorge de Lima)

Por Thaís Cortez


As palavras utilizadas e o estado de espírito demonstram os momentos. Estes podem ser bons ou ruins, dependendo da atitude e do que se foi dito. Podemos ilustrar este registro por imagens, ou melhor, observando as imagens.

Ao caminhar pela rua observando, de longe, as pessoas, conseguimos distinguir se estão nervosas, com pressa, raiva, alegres, gentis e tantos outros estados emocionais. O comportamento de um casal demonstra se estão brigados ou não. E as crianças, então? São facilmente entendidas somente pelo olhar.

Conforme a atitude e as palavras ditas conseguimos, ou não, alcançar um objetivo. Além, obviamente, de planeja-lo. Mas o reverso desta ordem pode não ser satisfatório. Afinal, de que adianta organização e objetividade num planejamento de uma conquista sem atitude e palavras certas nos momentos certos? Não se trata de sorte, mas da capacidade de perceber e aproveitar uma oportunidade.

Por Patricia Gujev





CONTINUE NAVEGANDO: